O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Você sabe se o óleo de coco é bom para gatos?

Bom, os gatos são carinhosos e possuem sua própria personalidade. Com isso os papais de gato precisam cuidar muito bem deles.

Veja também: Como Prevenir 7 Doenças Que Você Mesmo Pode Estar Causando.

Por isso, neste post vou te falar o que o óleo de coco pode fazer pelo seu gato. Dessa forma entenderá seus benefícios para a saúde e bem-estar dele.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

O óleo de coco virgem é um dos melhores alimentos da natureza e pode beneficiar a todos os tipos de animais de estimação. Isso inclui cães, gatos, coelhos, hamsters, cavalos e cabras. Mas, aqui trataremos apenas dos benefícios para a saúde do gato. Um dos animais mais queridos do país.

Mantém a pele e o pelo do gato saudável

O óleo de coco pode ser usado tanto por via tópica como por via oral. E serve para manter o pelo do seu gato brilhante e saudável.(Aproveite e veja as raças de gatos com os pelos mais curiosos ou engraçados)

Assim como evitar o desenvolvimento de pele seca e irritada. Ele mata parasitas, como sarna, pulgas e carrapatos, que são sufocados pela gordura no óleo.

Isso ocorre porque o óleo de coco é antimicrobiano e anti-inflamatório, impede que as picadas dos parasitas sejam infectadas e ajuda a curar a pele inflamada.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Alimentar seu gato com um pouco de óleo de coco irá promover pele e pelo saudável. O óleo de coco é bom para gatos, porque é rico em vitamina E. Que é essencial para o crescimento saudável da pele, bem como para a reparação da pele danificada.

Sendo assim, por ser um produto natural pode ser aplicado diretamente em erupções cutâneas, pontos doloridos, mordidas e queimaduras.

O óleo de coco também é um hidratante eficaz para peles secas e escamosas. Porque suas propriedades antioxidantes ajudam a acalmar e curar a pele danificada.

Saiba tudo sobre: As 10 Doenças Mais Comuns Em Gatos.

Além disso, tem propriedades antibacterianas, antivirais e antifúngicas, devido a sua alta concentração de ácido láurico.

Com isso o óleo de coco se torna ideal para tratar uma variedade de infecções causadas por vírus e bactérias. Tanto dentro, quanto fora do corpo,

Previne bolas de pelo

Com a melhora do pelo do seu gato, a queda de pelo é reduzida e o seu gato fica menos propenso a formar bolas de pelo em seu estômago.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Dessa forma, o óleo de coco pode reduzir a inflamação no trato respiratório, que pode ocorrer quando o gato regurgita bolas de pelo.

Em razão disso, melhora a digestão e adiciona umidade às fezes – permitindo que as bolas de pelo passem mais facilmente.

Ajuda na digestão

Os ácidos graxos presentes no óleo de coco impedem a tensão excessiva no trato digestivo do seu gato.

Eles são facilmente digeríveis no intestino e ajudam o corpo a absorver os nutrientes e vitaminas dos alimentos com mais eficiência.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

O ácido láurico saudável no óleo de coco é antimicrobiano e mata parasitas, fungos e bactérias nocivas no intestino do seu gato.

Porque o óleo de coco tem propriedades anti-inflamatórias, antibacterianas, antivirais e antifúngicas naturais que ajudam na saúde digestiva, ajudam a curar lesões no trato digestivo e previnem a inflamação crônica.

Reduz inflamação

O óleo de coco é bom para gatos e não apenas reduz a inflamação no sistema digestivo do seu gato. O ácido láurico no óleo tem propriedades anti-inflamatórias que ajudam a aliviar a inflamação em todo o corpo.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

À medida que os gatos envelhecem, eles se tornam mais suscetíveis a doenças inflamatórias. A artrite e as articulações doloridas e inchadas são particularmente comuns em gatos mais velhos.

Dessa forma, o óleo de coco ajuda a aliviar os sintomas da inflamação, aumentando a mobilidade e os níveis de energia do seu gato.

Fortalece o sistema imunológico

O impacto positivo do óleo de coco no sistema imunológico protege seu gato contra infecções virais e bacterianas. Além de diminuir a chance de sofrer reações alérgicas e outras doenças comuns.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

O teor de ácido láurico no óleo de coco contém propriedades antifúngicas, antibacterianas e antivirais que podem rapidamente aliviar as reações alérgicas.

Enquanto, estimula o sistema imunológico ajudando seu gato a combater infecções e doenças.

Óleo de coco e doenças crônicas

Alguns tutores de gatos se preocupam com seus filhos peludos ingerindo óleo de coco. Porque, geralmente estão preocupados que a gordura do óleo possa contribuir ou causar esteatose hepática e pancreatite.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Entretanto, a verdade é que o óleo de coco ajuda a reduzir a inflamação e o inchaço associados a essas doenças.

Óleo de coco e saúde do pâncreas

Existem dois tipos de gorduras saturadas: triglicerídeos de cadeia média (TCM) e triglicerídeos de cadeia longa. O TCM – o tipo de gordura no óleo de coco – é muito mais saudável dependendo da maneira como é processado no corpo.

Os corpos de humanos e animais processam os TCM de maneira diferente das gorduras de cadeia longa que devem ser misturadas com a bile liberada da vesícula biliar e atuadas pelas enzimas pancreáticas para serem quebradas no sistema digestivo.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

De modo que os TCM não precisam de enzimas biliares ou pancreáticas para serem processados. Uma vez que eles são ingeridos e chegam ao intestino, eles se difundem na corrente sanguínea e são transportados diretamente para o fígado. Onde eles são naturalmente convertidos em cetonas que fornecem energia.

Veja também: Obesidades Em Gatos – Causas, Sintomas e Tratamentos.

Por essa razão, os TCM são bem tolerados pelos animais com pancreatite crônica e outras formas de má absorção de gordura. Dessa forma, eles podem até ser usados ​​para aumentar as calorias nas dietas de gatos que não toleram outros tipos de gorduras.

O óleo de coco também ajuda a acelerar a absorção de vitaminas lipossolúveis. Especialmente, tornando-o benéfico para gatos que sofrem de doenças que dificultam a manutenção de alimentos ou medicamentos administrados por via oral.

Óleo de coco e saúde do fígado

Alimentar diariamente o seu gato com o óleo de coco, você poderá fornecer proteção contra a degeneração de radicais livres para o fígado. E, vai ajudar a apoiar a saúde do fígado.

O fígado é um dos órgãos mais duros do corpo. Ele desintoxica, constrói proteínas, segrega hormônios, produz bile necessária para a digestão e realiza inúmeras outras tarefas que garantem o funcionamento eficiente do corpo.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Os ácidos graxos de cadeia média no óleo de coco são imediatamente transportados do trato digestivo para o fígado. O que pode beneficiar o órgão de várias maneiras, destruindo vírus prejudiciais, que podem causar infecção ou hepatite.

Eles também protegem o fígado dos danos provocados pelos radicais livres e previnem a lesão tecidual, permitindo a regeneração do fígado. De modo que, ao mesmo tempo, apoia o sistema imunológico.

Primeiramente, como os triglicerídeos de cadeia média não precisam de bile para serem metabolizados. Eles podem ser administrados a animais com doença biliar.

Além disso, o fígado não precisa processar o ácido caprílico – um dos TCM mais benéficos encontrados no óleo de coco.

Portanto, isso é importante para os animais que sofrem de problemas metabólicos de gordura e lipídios.

O óleo de coco é bom para gatos!

O óleo de coco é bom para gatos, com essa substância integralmente natural, você pode ajudar seu gato a ser muito saudável e livre de inflamações e infecções.

Nós papais de gatos queremos sempre o melhor para eles, então recomendo que veja essa apresentação. Nela você verá como prevenir as 7 doenças que você pode estar causando.

O Óleo De Coco É Bom Para Gatos?

Então, se você gostou desse artigo, compartilhe nas suas redes sociais. Essa é a melhor forma de mostrar para todos como evitar e tratar doenças em seu gato.

Obrigada por ter lido e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *