Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Tempo de leitura: 6 minutos

Neste artigo você vai entender tudo sobre micose em gatos, desde as suas causas até como tratar. Os felinos são dóceis e amorosos, no entanto, ao contrário do que pensam, precisam dos nossos cuidados.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Micose em gatos: Tudo o que você precisa saber!

Os gatos são um dos animais de estimação mais queridos em todo o mundo. Portanto, conhecer mais sobre esses animais é extremamente importante para o seu bem-estar e sua saúde.

Veja também: Como Fazer Seu Gato Viver O Dobro Da Sua Expectativa De Vida.

Como nossos amigos peludos requerem toda a nossa atenção, devemos dar carinho, alimentação e cuidar da sua saúde. Além de vacinação, consultas periódicas ao veterinário e vermifugação, também é necessário que fique atento a sintomas e a comportamentos incomuns em seu gato.

Dessa forma, a melhor maneira de cuidar do seu gato é ficar atento as doenças que podem surgir nos gatos, como por exemplos a micose em gatos. Esse problema se desenvolve lentamente e se demorar para perceber os sintomas o problema já estará instalado. Continue lendo para entender mais sobre a doença.

O que é micose em gatos?

A micose em gatos também é chamada de dermatofitose, se trata de uma infecção cutânea fúngica. Essa doença é uma das mais comuns em gatos e é causado pelos fungos de gênero Trichophyton, Microsporum canis e Epidermophyton.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Esses fungos compõe um grupo de parasitas microscópicos que são chamados de dermatófitos. De modo que, essa enfermidade afeta a pele e os pelos dos gatos, isso quer dizer que esses fungos são como hospedeiros da pele. Visto que os fungos se alimentam de queratina.

Vale lembrar que essa doença também pode afetar as unhas dos gatos, o que se torna perigoso visto que unha das melhores distrações para os gatos é usar o arranhador de unhas, um dos principais sintomas desse caso são unhas quebradiças.

Como é a transmissão da micose em gatos?

Essa doença é bastante comum em gatos justamente porque contraem e transmitem a infecção fúngica com facilidade. Os fungos se propagam pelo ambiente e pelos animais contagiando uns aos outros. Contudo, você deve saber que os gatos podem ser contrair essa doença até mesmo de humanos.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Vale mencionar que uma outra forma de contágio é através de objetos compartilhados, como caixas de areais, brinquedos, mantas, pentes, arranhadores e toalhas. Além disso, os fungos também conseguem viver em gramas, na terra, em pisos, carpetes, tapetes e em plantas.

Todo animal pode ter micose, mas os filhotes são mais suscetíveis, tendo em vista que seu sistema imunológico ainda não está totalmente desenvolvido. Além do mais, os gatos idosos que possuem baixa resistência e pelagem longa também podem estar sujeitos a serem contaminados por estes fungos.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Ainda vale dizer que o estresse e a ansiedade podem baixar a imunidade do gato e assim torna-lo vulnerável. Entretanto, quanto mais cedo começar o tratamento menos seu filho peludo sofrerá com feridas e coceiras e levar ainda mais tempo para sarar.

Desse modo, devo salientar que mesmo que seu gato não apresente nenhum sintoma, você deverá leva-lo ao veterinário periodicamente para evitar ele sofra com essa e outras doenças. (Veja aqui como prevenir 7 doenças que seu gato pode causar mesmo que não saiba)

Quais são os principais sintomas de micose em gatos?

Os fungos causadores da micose são incapazes de sobreviver em locais inflamados, especialmente naquelas em que há pelo. Com isso, um dos sintomas mais evidentes é a queda de pelos, provocada pelo parasita. Dessa forma, ele conseguirá subsistir.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Os locais mais afetados são as orelhas e as áreas extremas do felino, mas com o desenvolvimento da doença as demais áreas podem ser atingidas. De mais a mais os sintomas surgem dentre 2 a 4 semanas, os mais comuns são:

  • Mau cheiro na pele;
  • Descamações e crostas com tonalidade amarela;
  • Áreas circulares de alopecia – saiba mais sobre alopecia felina;
  • Aparecimento de nódulos cutâneos com odor forte bastante característico;
  • Gato se mordendo, lambendo e arranhando as regiões afetadas com frequência;
  • Pele seca.

Estes são os sintomas mais comuns, mas além disso os gatos também podem apresentar seborreia seca, um tipo de caspa.

O que favorece o surgimento da micose em gatos?

Os fatores que facilitam o desenvolvimento de micose em gatos são diversos, mas alguns podem ser evitados ou prevenidos, veja quais:

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Como prevenir micose em gatos?

Os gatos têm bastante pelos e uma das maneiras de prevenir a micose é secando-os muito bem, especialmente nas virilhas, dobrinhas, virilhas e entre os dedos das patinhas. Isso porque ficar molhado por muito tempo pode ser um problema para os gatos.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Além disso, é importante evitar o contato duradouro com a água, sabão e shampoo durante o banho. Porque estes produtos podem reduzir as defesas naturais do seu amigo peludo.

Ademais, ao combinar uma dieta balanceada e de qualidade você poderá aumentar e manter a imunidade do seu gato em dia. De modo que, você também possa usar vacinas e vermífugos para prevenir essa doença.

Como tratar a micose em gatos?

Mesmo que não tenha sintomas, o veterinário pode diagnosticar a presença da doença no gato. Para isto, o mesmo irá realizar alguns exames específicos no gato para descartar outras patologias.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Após ter certeza de que a doença é mesmo a micose, você poderá começar o tratamento. Primeiramente, limpe todas as áreas afetadas com um produto antisséptico que seja anti-infeccioso e antifúngico. Feito isso, você fará o tratamento com produtos como emulsão, creme, líquido, pomada ou pó.

Vale ressaltar que o veterinário irá oferecer o melhor tratamento para o seu gato, isso porque ele precisa levar em consideração alguns aspectos importantes, como a idade do animal e suas doenças.

Normalmente, os tratamentos orais não são muitos usados, porque são tóxicos e agressivos, porém ainda podem ser usados. Ainda mais quando o tratamento tópico não tem efeito.

O aparecimento de micose em gatos pode ser sutil ou não, mas fará o gato sofrer de qualquer forma. Assim como essa doença, outras podem surgir. Então veja nessa apresentação, como prevenir 7 doenças em gatos que você pode estar causando sem saber.

Micose Em Gatos: Tudo O Que Você Precisa Saber!

Se você gostou deste post clique em Share e compartilhe com seus amigos. Nós papais e mamães de gatos queremos sempre o bem-estar de nossos filhos peludos, então conheça o guia para um gato de 14 vidas e faça-o viver mais.

Obrigado por te lido e até amanhã!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *