Brincando Com Seu Gato – Brinquedos, Jogos e Quantas Vezes Por Dia

Tempo de leitura: 3 minutos

Brincando com seu gato


Índice da Matéria

  1. Brincando com seu Gato – Brinquedos, Jogos e Quantas vezes por dia
  2. Os brinquedos certos
  3. Estimulação por sons
  4. Jogos
  5. Quantas vezes por dia?

Brincando com seu Gato – Brinquedos, Jogos e Quantas vezes por dia

Se você já conhece os 3 PILARES PARA A VIDA SAUDÁVEL DO SEU GATO, já aprendeu sobre a importância dos exercícios para seu bichano.

E aí você pode se perguntar, como muitas mamães nos escrevem perguntando “Mas como eu vou conseguir fazer um bicho que pode dormir 16 horas em um dia se exercitar?”

De uma maneira que, além de tudo, ainda vai aumentar seu vínculo: brincando!

(Brincar com eles é super divertido, mas lembre-se que também é MUITO importante que você providencie oportunidades e formas para que ele brinque sozinho também, quando você não tiver por perto.)

Gatos, adultos ou filhotes, gostam do mesmo tipo de brincadeira e quase sempre é algo que estimule seus instintos de caçadores.

Os brinquedos certos

A primeira coisa que você vai fazer é achar o brinquedo certo para brincar com seus peludinhos. Se você estiver tentando envolver caça nas brincadeiras (acredite em mim) você não vai querer envolver suas mãos. Mesmo se seu gato for calmo, ele pode te morder com vontade quando se empolgar demais.

Além disso, você vai querer suas mãos associadas a carinhos e petiscos, não a caça e matança, rsrs.

Estimulação por sons

Brinquedos que tenham sons quando você aperta são especialmente legais para dar pro seu gatinho se ele fica muito sozinho porque o som age como um estímulo extra.

A parte importante a ser lembrada é que você precisa alternar os brinquedos de vez em quando pra evitar que eles enjoem deles. Não deixe todos ao mesmo tempo e vá revezando. Gatos são muito espertos e vão se cansar rapidinho.

Em vez disso bote só um ou dois e vá trocando com uma certa frequência. Isso vai ser bem mais divertido e vai estimular muito mais seu amigão.

Jogos

Uma brincadeira incrível para seu gatinho é simplesmente envolver uma bola, um ratinho ou uma pena na ponta de uma linha, às vezes a linha pode ser presa à uma varinha. Simples assim. Esses brinquedos podem ser a diversão de uma tarde inteira, se você tiver tempo e energia.

Tente imitar, com os brinquedos, o comportamento de um animal pequeno andando no meio dos móveis e pelos cantos ou balance no ar como um passarinho deixando encostar no chão de vez em quanto.

Não tenha pressa, deixe seu gato perseguir a “presa” um pouco. Depois de 5 ou 10 minutos deixe seu gato capturar o “rato” ou pegar o passarinho em pleno ar.

É importante que seu gato se sinta como um ótimo caçador!

Seu gato pode morder ou carregar o brinquedo. Se vocês ainda estiverem se divertindo o brinquedo pode “voltar à vida” ou você pode apresentar um novo.

(Mas MUITO CUIDADO: Nada que envolva uma linha deve ser deixado pro seu gato brincar sem supervisão! Ele pode mastigar e engolir.)

E lembre de deixar os brinquedos interessantes pra ele e ir revezando.

Quantas vezes por dia?

Duas sessões por dia seria um objetivo fantástico para se tentar. E você pode descobrir que uma sessão logo antes de dormir pode prevenir seu gato levado de te deixar acordada a noite toda, enquanto corre pega casa ou pula em cima de você.

Ainda que seu gato não tenha vontade de brincar nas primeiras tentativas, NÃO DESISTA!

Você vai achar os momentos que ele mais gosta e descobrir na prática quantas vezes é o ideal no seu caso.

Photo Credits: Byron Chin

2 Comentários


  1. Oi! Gostei muito do artigo sobre as brincadeiras, pois preciso de orientações para não incorrer em erro.
    Minha gatinha de 8 meses está literalmente “viciada” num brinquedo de varinha que sugere um pássaro voando (flycat). Ama ficar brincando e depois que o brinquedo é guardado, fica chorando e sempre por perto do armário no qual fica guardado. Parece não ter mais interesse em nada! Não quer carinho, não brinca com mais nenhum outro brinquedo.
    Estou há muitos dias sem brincar para ver se ela se distrai e fica menos obsessiva, mas não está adiantando.
    O melhor então é brincar todo dia?
    Obrigada!

    Responder

    1. Olá, Patrícia. Tudo bom?

      O ideal é apresentar várias opções de brinquedos. Já que você acha que chegou ao ponto de ser obsessão, ir revezando e alguns dias não brincar com esse. Até chegar ao ponto em que ela goste de todos por igual. Tenta variar e apresentar outros, como cordas que possa arrastar pelo chão, arranhadores com coisas penduradas, etc. Assim ela vai ver todas as opções e todas serão igualmente divertidas. =)

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *