Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Tempo de leitura: 9 minutos

Veja nesse artigo tudo sobre Alopecia Felina, quais são causas e o que fazer para tratar!

Alopecia Felina

Alopecia Felina – Quais são as causas da queda de pelo em gatos?

É bem verdade que existem diversas doenças que podem causar queda de pelos em gatos. Umas podem ser classificadas como normais e leves, mas algumas podem oferecer muito risco a saúde, indicando uma doença grave.

Veja também: Como Evitar 7 Doenças Que Você mesmo pode estar causando em seu gato.

Antes de mais nada você precisa entender o que é alopecia, depois veremos as causas e como tratar.

O que é Alopecia Felina?

A alopecia felina é um termo usado para denominar a queda de pelo em excesso. Primeiramente você deve saber que ocorre em um grande número de animais, porém é ainda mais comum em gatos.

Perder algumas mechas de pelo não é incomum, tampouco é considerado como uma doença grave. Contudo, há casos que são de queda de pelos em excesso e assim podem indicar seríssimos problemas de saúde.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

A queda de pelo pode ser considerada alopecia quando for em excesso, normalmente causam regiões circulares de calvície no corpo do gato. Dessa forma, dependendo da causa da alopecia a pele do gato pode ou não apresentar mudanças, como bolhas ou bolinhas pequenas e manchas de cor avermelhada.

Além disso, a alopecia felina pode alterar o ritmo de crescimento do pelo do gato, causando alteração no tamanho e na espessura do pelo nos locais atingidos. Vale mencionar que a alopecia não é uma doença e sim um sintoma. Sendo assim, é de suma importância que leve seu gato ao veterinário assim que perceber a alopecia.

Acima de tudo, deve-se ter em mente que alopecia não é considerada normal nunca. Por isso, a causa deve ser identificada para o devido tratamento. Afinal, a alopecia pode desaparecer por si só, e ainda assim a causa continuar no gato e dar problemas mais graves futuramente.

O que causa Alopecia Felina?

A queda de pelo em excesso pode trazer problemas além de indicar um sério problema de saúde, que são pelos espalhados por toda a casa. O que pode causar muita dor de cabeça nos donos e é um dos principais motivos de abandono de gatos. Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre adoção de gatos.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Fato é que muitas pessoas optam por não ter animais de estimação por conta desse medo. De modo que acabam escolhendo raças específicas devido ao pelo. Contudo, por mais que se tenha cuidado no momento da escolha, todos os gatos estão predispostos a ter alopecia desde que contraia alguma doença que desencadeia esse sintoma.

De qualquer forma para se descobrir o tratamento correto, é necessário identificar a causa. Então, veja as possíveis causas de alopecia a seguir!

Fungo Tinha

O fungo Tinha pode afetar os cães e os gatos. Normalmente, causa a queda dos pelos em volta do ouvido, no rosto e na cabeça. Em alguns casos pode ser que afete também a região das pernas. No entanto, além de alopecia, este fungo deixa a pele da região seca e escamosa, em situações mais extremas pode deixar a pele até com crosta.

Alergias ambientais e alimentares

As alergias são tão incômodas para os gatos quanto são para nós, a diferença é que eles dependem da nossa ajuda. Quando se trata de alergias alimentares e/ou ambientais podem sim, causar a queda de pelo em excesso.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Assim como nós, nossos gatinhos não podem comer de tudo e, normalmente, as alergias alimentares se dão quando os gatos ingerem alguns tipos de proteínas. Por isso, é bom observar se além da alopecia, há caroços vermelhos ou vermelhidão na pele do gato na área afetada pela alopecia felina.

Nesse caso, leve seu gato imediatamente ao veterinário para evitar que estes sintomas se estendam por todo o corpo do seu gato e se agrave mais. Além dos alimentos que não são indicados para gatos, existem também rações que contém substâncias que causam reações alérgicas nos gatos.

Veja também: Quais A Melhor Ração Para O Seu Gato?

Dessa forma, a alergia ambiental também pode causar a queda de pelo. Visto que a inalação de alérgenos é uma das causas mais comuns de alopecia em gatos, ou seja, a dermatite. A dermatite de contato ou por inalação pode ocorrer a qualquer momento e é um tanto quanto difícil de evitar. Pode ser através de toque em lã, produtos químicos e em alguns tipos de plásticos, e inalando pó, pólen e ácaros.

Artigo importante: Como Fazer Seu Gato Viver Mais?

As infecções por ácaros podem causar a sarna, que é identificada através dos sintomas: alopecia, descamação e apodrecimento da pele. Nesses casos é comum que o gato arranhe a zona afetada na intenção de se coçar. Com isso, pode acabar se ferindo e piorar o seu estado.

Além do mais, a alopecia também pode ser advinda da micose, que pode acometer o pelo, a pele e as unhas dos gatos. Esta é causada por fungos.

Pulgas

Essa é uma das doenças mais comuns em gatos – veja aqui. O pior é que os gatos são alérgicos as picadas de pulgas, que produzem reações avermelhadas na pele deles. Primeiramente, ao sofrerem as reações das picadas das pulgas, os gatos acabam se arranhando e arrancando tufos de pelo da região.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

 

Além da perda de pelo, as picadas de pulga podem causar infecções e desenvolver escamas e crostas na pele do gato.  Normalmente ocorrem nas costas e na cauda.

Queimadura de sol e Foliculite

Os raios solares estão ultrapassando a camada de ozônio cada vez com mais intensidade e, apesar dos gatos terem pelos para se proteger, não podem ficar muito tempo exposto aos raios solares. Porque pode ocorrer queimaduras sérias em sua pele. Essas queimaduras quando mais avançadas podem causar a alopecia.

A foliculite é a inflamação dos folículos pilosos do gato, estes são responsáveis pela produção e crescimento dos pelos. Essa inflamação ocorre devido a presença de bactérias. Além da perda de pelo, o local pode ficar inflamado e com pus.

Alopecia Areata e problemas de Tiroide

Os especialistas desconhecem a causa específica, mas alguns estudos apontam para um conjunto de condições que afetam a imunidade do gato. Nesse caso, apenas o rosto e o corpo do gato são afetados, sem coceiras.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

A queda de pelo em gatos pode ser um sintoma de problemas na glândula da tiroide, tanto o hipotireoidismo quanto o hipertireoidismo.

Doença de Cushing

Essa doença é um transtorno glandular caracterizado pela produção de hormonas esteroides pelas glândulas suprarrenais. O sintoma mais comum desta doença é a queda de pelo em excesso.

Alopecia Endócrina

O sistema endócrino dos animais regula o crescimento de pelo. Portanto, qualquer alteração nesse sistema pode causar a perda de pelo excessiva. De modo que quando a alopecia se dá através de desequilíbrios hormonais afeta uniformemente o corpo inteiro.

Alopecia Psicogênica

A alopecia Psicogênica também conhecida como Lambedura por Estresse é a mais comum em gatos. Essa forma de alopecia pode ser identificada quando o gato se lambe além do normal.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Se lamber e se limpar é uma das atividades mais prazerosas para o gato e faz parte da sua rotina tranquila e normal. Sendo assim, quando o gato se sente estressado ele tenta se acalmar realizando a atividade que o relaxa.

Dessa forma, o comportamento pode se tornar excessivo e ser considerado um transtorno obsessivo-compulsivo. Por isso pode até causar a síndrome da hiperestesia felina, veja mais sobre isso.

Veja também: Como Evitar Que Seu Gato Sofra de Estresse, Ansiedade e Depressão

A alopecia psicogênica pode ser causada por uma simples mudança no ambiente em que o gato vive. Como por exemplo: o surgimento de um novo animal ou novo membro na família, alteração na rotina, mudança de casa ou de empregado.

Esse comportamento pode surgir da lambedura compulsiva e seguir para a queda de grandes quantidades de pelos. Portanto, as regiões mais afetadas são: laterais da barriga, costas, abdômen, interior das coxas e virilhas.

Hipotricose congênita

Essa condição rara faz os filhotes de gatos nascerem sem pelos ou perder a maior parte deles durante o primeiro mês de vida. Vale mencionar que essa doença não causa desconforto ao gato. Contudo, por conta da pele exposta é preciso ter certo cuidado com os raios solares.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Eflúvio Telógeno

Essa condição é bastante comum em gatos de abrigo que sofreram de infecções respiratórias e febres. É a forma de alopecia na qual o gato sofre a perda dos pelos sem sentir coceiras e sem ocorrência de inflamações. O lado bom é que os pelos crescem novamente sem necessidade de nenhum tipo de tratamento.

Diagnóstico e Tratamento da Alopecia Felina

Para o diagnóstico da causa da Alopecia Felina é preciso realizar diversos exames laboratoriais e físicos. Portanto, independente do sintoma que acompanha a alopecia é fundamental levar seu gato ao veterinário imediatamente. Sendo assim, os exames incluem análises de sangues, amostras de pelo, recolhimento de fungos etc.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

O tratamento da alopecia depende da causa, ou seja, ao tratar a doença o sintoma some. Dessa forma, só os veterinários podem traçar e determinar o tratamento ideal para o seu gato.

Alopecia Felina é um sintoma

A alopecia felina é um sintoma e precisa ser observado. Ao perceber a queda de pelo em excesso leve seu gato ao veterinário.

Esse sintoma pode aparecer devido a diversos tipos de doenças, para evitar que isso ocorra, veja como prevenir 7 doenças graves que você pode estar causando em seu gato sem saber.

Alopecia Felina – Quais São As Causas?

Esse artigo é importante para que os papais e mamães de gatos saibam que nem sempre a queda de pelo em gatos é algo normal e deve ser tratada.

Obrigada por ter lido e até próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *