Doenças Dos Gatos Mais Graves – Quais São E Como Prevenir

Tempo de leitura: 4 minutos

doenças dos gatosDoenças dos gatos: doenças graves de gatos

Índice da Matéria Doencas Graves de Gatos

  1. Doenças graves em gatos: Introdução
  2. Doenças dos gatos mais graves – Saiba quais são!
  3. Doenças dos gatos mais graves – Saiba como preveni-las!

Doenças graves em gatos: Introdução

Ter um gato pode resultar em mudanças de muitas de nossas atitudes, e ainda mudanças em nossos hábitos mais comuns. Tudo isso para evitar doenças dos gatos mais graves.

É claro que temos que aprender todo o possível para sempre estarmos atualizados com algumas enfermidades que podem causar mal nosso bichano.

Assim, para mais informações importantes e exclusivas sobre como evitar doenças dos gatos mais graves e também como evitar um erro terrível cometido por milhares de donos de gatos, clique aqui, e acesse um vídeo que te mostrará pontos realmente importantes.

Em nossa lista VIP de e-mails abaixo também damos diversas dicas que acabarão evitando que seu gato contraia doenças dos gatos mais graves.

Conteúdo VIP

Coloque o seu de email abaixo para receber gratuitamente dicas exclusivas!>

Doenças dos gatos mais graves – Saiba quais são!

doenças graves em gatosDoenças dos gatos mais graves: Saiba quais são as doenças graves de gatos

As doenças dos gatos mais graves são as que consideramos infecciosas e adquiridas por meio de vírus ou bactérias, sendo elas:

  • Herpes Vírus ou Rinotraqueíte:

É uma das doenças graves em gatos.
Quando os felinos não são protegidos por meios de vacinas podem adquirir esse tipo de herpesvírus, causando outras doenças como conjuntivite e ulcera de córnea.
Os principais sintomas são:

  • Corrimento nos olhos;
  • Corrimento no nariz;
  • Tosse frequente;
  • Espirros frequentes.
  • Leucemia Viral Felina:

É uma das doenças graves de gatos causada por um retrovírus muito poderoso que, quando infestado no gato, pode causar vários tipos de tumores, imunodeficiência, anemias crônicas, abortos e, por consequência, infertilidade, doenças renais e muitas outras.
Evite deixá-los em ambientes com muitos gatos desconhecidos.

  • AIDS felina:

A AIDS felina ou síndrome de imunodeficiência é causada pela Lentivírus, muito parecida com a doença dos humanos, porém a AIDS felina não afeta o humano e é adquirida na rua com gatos que costumam ser briguentos, veja como evitar a doença:

  • Evite deixá-los soltos na rua ou desacompanhados;
  • Castração, para diminuir a agressividade e histeria do animal;
  • Evite contato do seu gato com gatos de rua antes de uma prévia consulta veterinária.

Vendo que existem modos de evitar, mas nem sempre conseguimos realizar tais atos, veja como diagnosticar:

  • Diarreias frequentes e sem resultado de melhora;
  • Perda exagerada de peso;
  • Anemias considerada crônicas;
  • Doenças renais;
  • Doenças respiratórias;
  • Chegando a casos graves no surgimento de Linfomas.

É bom ficar atento. Das doenças graves em gatos essa sem dúvida é uma das piores.

  • Clamidiose:

Causada por uma bactéria resistente.
O gato infectado apresenta uma mucosa em um dos olhos, como conjuntivite, porém com o tempo essa mucosa passa ao outro olho.

Em alguns casos há tosses e espirros.

A prevenção é feita com vacina.

  • Giardíase:

Diferente do resto das doenças dos gatos desta lista, a giardíase é causada por um protozoário no intestino, passando com facilidade para outros animais.

Os sintomas mais comuns, são:

  • Ocorrência frequente de Vômitos;
  • Diarreia frequente.

A melhora deve se dar com o tratamento veterinário e limpeza adequada.

Importante salientar que você deve tratar todos os animais ao redor, pois a infecção é rápida e feroz.

⇒ Leia também:  Como Fazer Seu Gato Viver Até os 30 Anos de Idade

Doenças dos gatos mais graves – Saiba como preveni-las!

Doenças dos gatos mais graves - doencas graves de gatosDoenças graves em gatos: Saiba como prevenir as doenças graves de gatos

Os meios de prevenção de grande parte das doenças  dos gatos são potencialmente:

  • As vacinas realizadas na infância e no decorrer da vida do animal;
  • Evitar que os gatos sadios entrem em contato com os animais infectados com vírus e bactérias;
  • Evitar a exposição do gato a grandes aglomerações;
  • Limpeza adequada com produtos que possuem alto teor de cloro, das caixas de areia e ambientes em que o gato mais fica;
  • Manter o gato com uma alimentação balanceada;
  • Levá-lo periodicamente ao veterinário.

Claro, existem diversos outros meios de você evitar doenças graves em gatos.

A melhor maneira é sem dúvida ter uma noção básica das doenças, sendo elas as doenças graves de gatos ou as mais corriqueiras.

Você saber quais são essas doenças, seus sintomas e o que causam podem significar a vida ou a morte do seu felino.

Com o conhecimento prévio das doenças graves em gatos você consegue preveni-las ou identifica-las cedo, para que assim possa dar o tratamento adequado ao seu bichano.

Agora que já sabe as doenças dos gatos mais graves e como preveni-las, não esqueça de possuir mais esclarecimento sobre o assunto, clicando aqui, e tendo acesso a um vídeo exclusivo sobre cuidados com gatos, mostrando inclusive o que você deve fazer para ter esse conhecimento prévio..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *